Muito além das fronteiras


Na fronteira nasci.
Sem fronteiras vivo.
Quem sabe os limites da alma?
Onde fica o marco da vida?
Cruzei a linha divisória.
Nasci do outro lado.
Fronteiras só existem nos mapas.
Pertenço ao todo!

∞ ∞ ∞

“Quando canta um cantor de fronteira nunca é isolada a emoção. É uma frente de vozes erguendo sua gente, sua arte, seu chão.” (Cantor de Fronteira, João de Almeida Neto)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: